Quem faz? Brechó, reaproveitamento de materiais e a criação de moda autoral no Cariri com Jefferson Grossi, Tamires Avelino e a Alan Araújo

Centro Cultural do Cariri Av. Joaquim Pinheiro Bezerra de Menezes, 1 - Gizélia Pinheiro (Batateiras), Crato, Ceará, Brazil

Continuamos costurando o fio, para tratar dos brechós, na voz de Tamires Avelino, do Brechó Recycling Brechó; da criação autoral de moda a partir do reaproveitamento de materiais no olhar da marca GROSSI, de Jefferson Grossi. Nesse cruzamento, Alan Araújo discute a moda consciente a partir das suas criações no ateliê 407 AA, em conjunto com produção de joalheria autoral e contemporânea.

As rendas da terra, Rendas de Santana do Cariri

Centro Cultural do Cariri Av. Joaquim Pinheiro Bezerra de Menezes, 1 - Gizélia Pinheiro (Batateiras), Crato, Ceará, Brazil

As rendas são caracterizadas como artesanato popular, majoritariamente uma indústria doméstica e familiar. As rendas de Santana do Cariri (CE) são bem características do sertão do Ceará: ao invés de alfinetes, elas usam espinhos de mandacaru, almofada de palha de bananeira e bilros de macaúba, tipo de palmeira típica na região (todo o material é produzido artesanalmente). Objetiva-se discutir a produção das rendeiras e pensar a comunidade de Santana do Cariri (CE) para mapear os saberes, artesãs, descrever seus processos artesanais na criação da renda, técnicas, processos e relação com o artesanato.

Nas linhas da memória

Centro Cultural do Cariri Av. Joaquim Pinheiro Bezerra de Menezes, 1 - Gizélia Pinheiro (Batateiras), Crato, Ceará, Brazil

A Oficina “Nas linhas da memória” é um exercício criativo que propõe um leve mergulho nas lembranças familiares a partir de palavras organizadas pela facilitadora. Busca-se fazer contato com a ancestralidade a partir da manualidade, utilizando desenhos, costuras e bordados. A proposta é que com esse exercício as pessoas possam trabalhar sua criatividade em um suporte têxtil e do papel realizando interferência com outros materiais disponibilizados. Essa oficina nasce do trabalho de conclusão de curso de Shayná Moura, que pesquisa manualidades e memórias a partir de objetos biográficos.

Mediação: Shayná Moura

pt_BRPortuguês do Brasil